Blog Instituto Mood

Nutrição pré e pós-operatório

Nutrição pré e pós-operatório

Pode ser que, em algum momento da sua vida, você necessite passar por um procedimento cirúrgico e a maneira como nutre o seu corpo reflete na recuperação.

Precisamos focar na proteção do sistema imunológico, na resposta inflamatória e no processo de cicatrização dos tecidos lesados.

É importante que os cuidados comecem com, pelo menos, uma semana antes do procedimento cirúrgico. Caso aconteça de forma emergencial, é fundamental seguir com uma alimentação de ótima qualidade para se recompor rapidamente.

Se você tem hábito alimentar ruim, é a oportunidade de refletir sobre as escolhas e buscar a ajuda de um nutricionista para orientações e, quem sabe, aprender a ter uma alimentação mais equilibrada para toda a vida. 

O consumo de produtos ultraprocessados ricos em gorduras saturadas, açúcar e sal deve ser evitado durante esse período porque pode estimular a inflamação, interferir no processo de cicatrização e comprometer o sistema imunológico. Fast food, refrigerantes, sucos em pó, bolachas, carnes gordas, frituras, presunto, peito de peru, salsichas, salames, calabresa, bacon, sorvetes ao leite, chocolates, leite condensado, salgadinhos de pacote e outros são exemplos dessa lista.

A ingestão de sal deve ser moderada, pois o sódio é responsável pela retenção de líquido, o que pode aumentar o inchaço.

A boa hidratação é fundamental!

Para saber a quantidade de líquidos “média” que você deve consumir, multiplique o seu peso por 35 a 40. Exemplo: 60kg x 35= 2,1 litros de água, que também pode estar na forma de água de coco, chás e sucos por contribuírem com vitaminas e compostos antioxidantes indispensáveis para o momento.

Frutas cítricas (laranja, morango, abacaxi, acerola, limão, kiwi, etc) fornecem vitamina C, importantíssima para a produção de colágeno e absorção de ferro pelo organismo, evitando a anemia em cirurgias com grande perda de sangue.

A oferta de proteínas deve ser ligeiramente aumentada. Prefira carnes de cortes magros e peixes. Além disso, aumente o consumo de alimentos vegetais com boas quantidades de proteínas como feijão, grão de bico, lentilha, ervilha, castanhas, nozes, gergelim, tofu e outros.

A suplementação desse nutriente também pode ser uma alternativa mas cuidado com suplementos lotados de corantes e adoçantes artificiais! Você pode utilizar whey protein obtido do leite de vaca ou optar pelos hiperproteicos com matéria-prima vegetal (veganos).

O zinco é um nutriente interessante para o período por participar de uma variedade de processos celulares como um co-fator para inúmeras enzimas e aumento do número de células. Invista na semente de abóbora.

Entenda que não é o momento ideal para dietas restritivas! A falta de carboidratos pode aumentar o catabolismo e retardar a recuperação.

É preciso comprometer-se com um estilo de vida mais saudável. Sem esses cuidados nutricionais, os resultados podem ficar comprometidos. Pense bem antes de realizar as suas escolhas!

Mais de Instituto Mood

Hérnia de disco

Nos tempos atuais, as dores lombares assumem um papel muito comum na vida das pessoas, independente de idade, gênero, tipo de trabalho ou classe social.            A coluna... Ler mais

Cirurgia de prótese de quadril

Informe, dilua as dúvidas e desmistifique o “medo” da cirurgia de prótese de quadril. No mundo, mais de 1 milhão de cirurgias de prótese de quadril são realizadas por ano, sendo... Ler mais

Saúde na terceira idade

“Idoso é o jovem que deu certo.” A frase, que talvez você já tenha ouvido, mostra que a saúde na terceira idade é a derivação de como sua saúde foi cuidada ao longo da vida.... Ler mais

Conheça nossos diferenciais de perto e sinta como o Instituto Mood pode ajudar você a alcançar seus objetivos

Agente uma visita