Se você está tentando alcançar um desempenho físico e/ou atlético ideal, apenas seus exercícios físicos podem não funcionar. A nutrição é uma parte crucial de qualquer programa de exercícios e é uma forma saudável de melhorar seu desempenho sem quaisquer efeitos colaterais prejudiciais e com resultados mais rápidos. Não são apenas os atletas profissionais que se beneficiam de uma dieta otimizada, todos nos necessitamos de dieta balanceada de acordo com a nossa necessidade individual alguns alimentos podem aumentar sua resistência e força.

Alimentos que aumentam a resistência

Fontes de energia de ação rápida podem fornecer uma dose rápida de energia de carboidratos simples e refinados, mas a desvantagem é uma queda rápida no açúcar no sangue após o pico inicial. Isso pode levar à fadiga, o que nos leva a buscar mais desses alimentos para reabastecer, reiniciando o ciclo. Para evitar essa sensação ao longo do dia, é melhor escolher carboidratos complexos que são digeridos mais lentamente. Grãos integrais (como batata doce, aveia, quinua, etc), frutas, feijão, legumes e vegetais ricos em amido como batatas são boas fontes de carboidratos que mantêm os níveis de açúcar no sangue por mais tempo.

Uma vez que os carboidratos são os fornecedores mais eficientes de energia de curto prazo para nossos músculos, eles são uma grande fonte de combustível para o desempenho físico. Comer um pequeno lanche contendo carboidratos – como uma torrada com geleia ou uma banana coberta com mel e canela – cerca de 30 a 60 minutos antes do treino pode ajudar a evitar uma queda no desempenho.

Se você está procurando experimentar novos alimentos para aumentar a resistência, baseados em pesquisas, pode tentar comer beterraba ou beber suco de beterraba. Assim como aipo, erva-doce e folhas verdes como rúcula e espinafre, a raiz vermelha contém muitos nitratos. Comer alimentos ricos em nitrato tem sido associado ao aumento da resistência e tolerância ao exercício durante exercícios de alta intensidade, aumentando o fluxo sanguíneo e a disponibilidade de oxigênio para os músculos.

Alimento para os seus músculos

Aumentar a massa muscular não é apenas para fisiculturistas. Construir tecido muscular magro aumenta a taxa metabólica de repouso, o que permite que nosso corpo queime mais energia, mesmo quando não estamos malhando. Você pode pensar que um shake de proteína pós-treino que é tudo que você precisa para a recuperação do treino, mas como as sessões de treinamento intensas queimam muitas calorias, reabastecer com uma combinação de macronutrientes o ajudará a se sentir bem. Uma refeição pós-treino que inclui um equilíbrio de macronutrientes, como um sanduíche de frango e abacate com ou uma mistura de ovos com frutas, pode ser exatamente o que seu corpo precisa para se recuperar. Também é importante se certificar de que você bebe líquidos suficientes para se manter hidratado e compensar os líquidos perdidos durante a sessão de treinamento. A água é a base do seu desempenho físico e a falta de hidratação adequada pode reduzir drasticamente a sua capacidade de potência durante as repetições finais.

Treinar com frequência também aumenta a necessidade do corpo de micronutrientes como minerais e vitaminas. As deficiências de micronutrientes mais comuns são magnésio, zinco, ferro e vitaminas A, C e E. No entanto, uma dieta balanceada cheia de frutas, vegetais, proteínas está transbordando com esses nutrientes, então os mesmos alimentos que irão aumentar sua resistência também contribuirá para seus esforços de construção muscular. Tenha em mente que um aumento da ingestão de vitaminas e minerais de suplementos dietéticos, muitas vezes listados como superior a 100% de nossas necessidades diárias, não aumentará exponencialmente seu desempenho e às vezes pode ser muito bom. Nesse caso, mais nem sempre é melhor. Alimentos e bebidas saudáveis ​​são uma maneira mais satisfatória (e mais barata!) De incluir todas as vitaminas e minerais de que nosso corpo precisa.

Ingredientes para combater a fadiga e impulsionar seu metabolismo

Depois de um longo dia de trabalho, muitas vezes nos sentimos cansados ​​e precisamos de uma injeção extra de energia para o treino. Uma xícara de café ou chá fornece cafeína para reiniciar nossos cérebros e melhorar o desempenho. Você também pode tentar adicionar hortelã fresca a uma bebida gelada, como água ou chá gelado, para estimular os sentidos para um impulso extra. Temperos quentes como chili ou pimenta caiena podem animar suas papilas gustativas, então, adicione-os a um lanche no meio da tarde – experimente polvilhar pimenta caiena em fatias de manga – pode fazer seus motores ligarem antes do treino começar.

Não importa o nível de condicionamento físico, atletas – sim, incluindo você! – deve se concentrar em fontes saudáveis ​​de carboidratos e proteínas. Quando se trata de frutas e vegetais, quanto mais variadas e coloridas forem suas opções, melhor – assim como seu guarda-roupa de ginástica! Comer uma dieta balanceada o ajudará nos treinos e o manterá no caminho para ter uma aparência e se sentir melhor. Orientamos sempre que procure um nutricionista para uma melhor orientação.

Mais de Instituto Mood

Mood Academy – Pesquisa

O Instituto Mood teve na data de 22 de Abril de 2019 a aula inaugural com a apresentação de mais um alicerce para a instituição – PESQUISA. A pesquisa no instituto Mood tem como...