Blog Instituto Mood

Hérnia de disco

Hérnia de disco

Nos tempos atuais, as dores lombares assumem um papel muito comum na vida das pessoas, independente de idade, gênero, tipo de trabalho ou classe social.

           A coluna lombar sofre influências e sobrecargas de todas as partes do corpo, seja dos membros inferiores (influências ascendentes) ou da parte de cima do corpo (influências descendentes).

           As hérnias discais ocupam uma das causas de dores lombares e são definidas como uma lesão nos anéis fibrosos, que é a parte mais externa do disco intervertebral, disco que fica entre as vértebras da coluna, e um extravasamento do núcleo pulposo, essa é a parte central do disco, este núcleo que extravasa, pode comprimir a inervação, gerando sintomas de dor local, com possível irradiação, que geralmente ocorre para as pernas ou braços.

           As principais causas são: demanda incoerente, ergonomia, excesso de peso, carregamento de peso inadequado, postura, sedentarismo, alta demanda esportiva, compensações, quedas e traumas, encurtamentos e fraquezas musculares.

Neste momento de pandemia vale ressaltar as pessoas em home office, com uso de cadeiras inadequadas e um tempo acima da rotina de trabalho, o estresse, a falta de exercício físico, a condição emocional, a alimentação desregrada, entre outras.

Para um tratamento resolutivo da hérnia de disco, necessitamos primeiramente de um diagnóstico bem realizado, com identificação real da lesão e uma correlação entre imagem e avaliação clínica. Apenas um comentário, existe uma porcentagem alta de achados radiológicos, ou seja, o indivíduo apresenta uma hérnia de disco, mas a sintomatologia não está vindo da hérnia, daí, o que fazer?

O tratamento parte de uma abordagem dentro das disfunções e correlações encontradas dentro da avaliação, por isso torna-se extremamente necessário esta integração entre médico, avaliação fisioterapêutica e tratamento fisioterapêutico. Existe uma infinidade de opções para abordar a hérnia de disco, como: Eletroterapia, terapia manual, técnicas de cadeias, técnicas miofasciais, fisioterapia aquática, acupuntura, pilates, gyrotonic, funcional, mecanoterapia, osteopatia, entre outras.

Se você está com dúvida, traga seu caso que os profissionais do Instituto estudarão seu caso e colocaremos nossa expertise aliada a uma tecnologia de ponta em termos de avaliação e tratamento para sua dor! Lembre-se que sua dor, não tem apenas uma causa simplória, ela é fruto de uma complexidade de fatores, por isso, aqui abordamos sua dor de forma complexa!

Mais de Instituto Mood

Colágeno

O queridinho da vez é o colágeno. Substância que, com o passar dos anos, o corpo acaba perdendo aos poucos. Mas, por que é tão importante continuarmos com sua produção?  O... Ler mais

Frio e dores: qual a relação?

Com a chegada do inverno, é comum ouvirmos algumas frases relacionadas à dor, como por exemplo  “acho que vai chover, minhas costas doem” ou sobre as dores piorarem com a... Ler mais

Conheça nossos diferenciais de perto e sinta como o Instituto Mood pode ajudar você a alcançar seus objetivos

Agente uma visita